Saturno na 12ª Casa

O destino do mundo está escrito nas estrelas, de acordo com a astrologia. Nossas vidas são peças maravilhosas, únicas e originais de uma imagem cósmica maravilhosamente modelada.

Sistemas astrológicos de todo o mundo conectam nossas vidas individuais com o Universo e suas leis.

A astrologia como a conhecemos se origina do passado antigo. Suas raízes remontam aos tempos pré-históricos, de acordo com vários estudos.



O que essa 'ciência dos começos' poderia dizer sobre nossos dias na Terra? As leituras astrológicas podem oferecer algumas respostas preciosas.

Muitas pessoas pensam que é tudo sobre o signo do horóscopo, mas isso não é verdade. Cada elemento em uma leitura astrológica deve ser estudado com muito cuidado.

Além disso, cada elemento de um mapa natal faz parte de um padrão complexo e único do destino de um indivíduo.

O significado das casas astrológicas

Você certamente já ouviu falar das casas astrológicas, como uma das partes constitutivas mais importantes de um mapa astrológico, crucial para as leituras astrológicas.

Casas são segmentos que você pode ver em um mapa natal; cada segmento representa uma área da vida ou, para ser mais preciso, a experiência de um determinado campo da vida. Havia doze casas, análogas a doze signos do zodíaco.

As casas podem ser divididas em três grupos: as angulares, as sucessivas e as cadentes. Também poderíamos associá-los a quatro elementos, então temos as Casas do Fogo, da Terra, do Ar e da Água.

Hoje vamos falar sobre a última das casas astrológicas, a misteriosa Décima Segunda Casa. Veremos como o grande maléfico Saturno manifesta sua energia quando está dentro deste campo astrológico.

A 12ª Casa em Astrologia - 12ª Casa em Astrologia

A décima segunda casa é intrigante. É o último dos campos astrológicos e a última das chamadas casas do mal. O décimo segundo campo está associado ao místico, oculto, secreto e encoberto. Tem a ver com solidão, solidão, isolamento e com inimigos ocultos.

Este campo também tem a ver com o reino dos sonhos e imaginação, com intuição, espiritualidade, crescimento espiritual, passado e visões.

Este campo astrológico também é conhecido como a casa do auto-engano e da autodestruição.

significado espiritual de cheirar fumaça

Está associada a perdas, coisas perdidas, pobreza, resultados e dívidas. Está associada a locais escuros e isolados, como mosteiros, mas também hospitais ou prisões.

Sua natureza parece ser semelhante a Saturno, o planeta do qual falaremos mais tarde. É análogo ao signo de Peixes, sendo uma das casas cadentes e uma casa da Água.

A Décima Segunda Casa também está associada à formação de objetivos idealistas, com talento ou interesses artísticos, com um ponto de vista metafísico, com imaginação e transcendência espiritual.

Esta casa também tem a ver com encarnações anteriores e com o conceito de carma. Interpretando o décimo segundo campo, tocamos em muitas questões relacionadas ao carma de um nativo.

Esta casa também tem a ver com nossas fraquezas ocultas, mas também com nossas forças ocultas. Relacionamentos românticos complicados podiam ser entendidos por meio desta casa. Também está associado a casos de amor secretos.

Claro, a experiência real relacionada a este campo dependeria dos planetas e dos aspectos envolvidos.

Saturno em mitologia e astrologia - planetas em casas

Saturno foi uma das principais divindades romanas, a contraparte de Cronos na mitologia grega. Os antigos gregos e romanos tratavam essa divindade de uma maneira diferente.

Os gregos não gostavam muito dele, pois, segundo o mito, Cronos devorava seus filhos, com medo de ser derrubado, que foi como ele próprio conquistou o trono (derrubou seu pai Urano).

No entanto, Cronus enfrentou o mesmo destino, derrubado por seu filho, o poderoso Zeus.

Os romanos apreciavam muito Saturno. Ele era a divindade associada à agricultura e abundância. De acordo com a tradição romana, Saturno ensinou às pessoas como trabalhar o solo, como cultivar vinho, outras plantas e grãos. Eles representaram Saturno como um homem mais velho com uma foice na mão. O governo de Saturno foi considerado a idade de ouro da humanidade.

Na astrologia, Saturno está mais próximo da mitologia grega. Saturno é o maior e mais perigoso maléfico; falando figurativamente, o mais pesado de todos os planetas astrológicos.

Saturno é popularmente conhecido como o ‘planeta do sofrimento’, pois está associado a todos os tempos difíceis que enfrentamos, com miséria, desespero, tristeza, luta, dificuldade, limitações, doença, pobreza e desespero.

Tradicionalmente associado a conceitos de forma e estrutura, Saturno representa fronteiras e limites. Com Saturno, a alma fica presa dentro do corpo físico. Assim, Saturno representa o idoso, a velhice, a doença.

Saturno está associado ao carma, a todos os nossos ancestrais, aos fardos do passado, às doenças crônicas, às visões estreitas. Saturno quer limitar e controlar tudo.

Ninguém realmente gosta deste planeta, porque Saturno é um tutor muito difícil de se conviver. No entanto, Saturno desempenha um papel vital na vida de todos.

Embora suas lições sejam tipicamente dolorosas, severas, difíceis de compreender, quanto mais de aceitar como necessárias, elas são necessárias. Sem a influência de Saturno, não saberíamos o que são responsabilidade, ordem e organização.

Saturno oferece uma lição sobre paciência, lealdade, tradição e estrutura. Ajuda-nos a preservar coisas que devem ser preservadas. Desperta nosso senso de responsabilidade e disciplina.

Embora o mecanismo pelo qual funciona não seja agradável, não deve ser totalmente evitado.

Bem, ninguém poderia realmente fazer isso. Temos que entender o propósito de uma lição de Saturno, a fim de aceitá-la e usá-la em nosso proveito.

Saturno na 12ª Casa - Saturno na 12ª Casa

Saturno na Décima Segunda Casa geralmente leva ao isolamento, a curto ou longo prazo, dependendo da situação. Faz com que você sinta a necessidade de se afastar do mundo, oprimido por todos os tipos de coisas, a fim de encontrar um pouco de paz interior.

Pessoas que têm Saturno na Décima Segunda Casa tendem a lidar com os problemas dos outros, tentando resolvê-los, independentemente de realmente quererem fazê-lo ou não. Alguns deles se identificam profundamente com aqueles que sofrem.

Eles não podem se 'defender' do sofrimento dos outros; uma compaixão tão profunda é opressora e opressora, de modo que essas pessoas costumam parecer infelizes, tristes e propensas ao humor depressivo.

Esse é o fardo de tentar resolver os problemas de todos, geralmente negligenciando questões pessoais que exigem algum trabalho. Na verdade, os problemas dos outros passam a ser seus, com Saturno na Décima Segunda Casa. Essas pessoas se preocupam muito.

Saturno na Décima Segunda Casa está intimamente associado ao sentimento de arrependimento e arrependimento, que não são a mesma coisa. É provável que o primeiro aconteça com mais frequência. O sentimento de culpa acompanha as pessoas com Saturno na Décima Segunda Casa ao longo da vida.

Freqüentemente, eles se sentem culpados por coisas das quais não são culpados. Eles estão sob ataque de falsas acusações e culpa imposta; eles são muito sensíveis a isso e levam para o lado pessoal.

Se Saturno na Décima Segunda Casa estava em posição desfavorável, com aspectos desafiadores, isso indica medos e fobias, geralmente originados da primeira infância. Geralmente, estão relacionados ao medo de perder ou de se render às emoções.

Medos como o de atividades paranormais, medo do escuro, claustrofobia e fobias semelhantes são comuns nessas pessoas.

Com a Décima Segunda Casa Saturno em aspectos pesados, as pessoas muitas vezes enfrentam problemas e problemas relacionados ao trabalho e / ou saúde de seus parceiros. Eles também estão muito preocupados com a saúde de seus filhos, com medo de perder filhos.

Muito provavelmente, eles têm um ancestral que estava na prisão, um campo de concentração ou algo do tipo.

No entanto, dependendo do sinal que corresponde a Saturno, sua natureza na Décima Segunda Casa está sendo modificada.

Dependendo dos aspectos e da posição no signo, Saturno no décimo segundo campo pode se manifestar de outras maneiras. As pessoas de Saturno na Décima Segunda Casa poderiam se tornar indivíduos de energia espiritual incrivelmente forte, força de vontade e foco, muito dedicados e leais. Eles são pacientes e prontos para trabalhar duro por seus ideais, até o fim de seus dias.

Essas pessoas não têm problemas em esperar. Eles têm um bom foco e integridade pessoal; eles não desistiriam de suas causas facilmente, guiados por seus ideais. Eles tendem a adotar uma filosofia de vida muito estóica.

No entanto, existem certos problemas de saúde a que são suscetíveis. Sua visão pode ser ruim, problemas de visão são comuns, bem como doenças reumáticas hereditárias e problemas de saúde dos dentes.

Saturno na décima segunda casa - aprisionado pela culpa

Saturno na Décima Segunda Casa indica uma pessoa que está sempre pronta para ajudar seus entes mais próximos em problemas, embora muitas vezes assuma mais responsabilidades do que o necessário.

Se seu Saturno estava em aspectos desafiadores, isso indica uma sensação avassaladora de solidão e insegurança sobre as relações com outras pessoas.

Essa é, talvez, uma das razões pelas quais eles querem ajudar a todos e porque se sobrecarregam com os problemas dos outros.

Essa pessoa é dilacerada por dentro pelo constante sentimento de culpa que é difícil de explicar, pois muitas vezes se sente culpada sem motivo aparente. Esta é outra razão pela qual recorrem a outras pessoas e tentam resolver seus problemas.

Parece que eles sempre procuram uma maneira de se arrepender, mesmo que não haja nenhuma razão real para eles se sentirem pecadores ou culpados. Eles raramente admitiam seu sentimento de culpa para os outros, no entanto.

Eles não dizem aos outros que se sentem culpados ou solitários; eles ajudam os outros, em vez disso. Eles tendem a ser muito enigmáticos, especialmente quando se trata de relacionamentos românticos.

Eles não são fáceis de vencer e mantêm seus muros altos e impenetráveis. Eles têm medo da perda e do colapso emocional, pois já sofrem com a emocionalidade exaustiva.

Há outra razão para evitar compromisso e proximidade. Eles são muito inseguros, se seu Saturno estava em aspectos desafiadores. Se for esse o caso, essas pessoas sofrem de baixa autoestima. Eles acham que não merecem ser felizes; eles se acham indignos.

Sentindo-se tão oprimidos pelo sentimento de culpa e indignidade, eles acham mais fácil rejeitar uma proposta romântica.

Outros podem achá-los distantes e frios, por causa disso. A verdade é que eles realmente se sentem muito solitários, inseguros, deprimidos e presos por dentro.

Eles fecham todas as portas, recuam e sofrem em silêncio. São pessoas muito introvertidas, mas mesmo assim não lidam de fato com suas emoções; eles os suprimem, em vez disso.

Saturno na 12ª Casa - Um estudioso dedicado

Sempre existe o outro lado da moeda. Bem, as pessoas tendem a culpar o maléfico Saturno por todos os seus infortúnios, negatividade e problemas na vida. É verdade que Saturno não é um companheiro tranquilo. Nem a Décima Segunda Casa era um playground particularmente adorável.

No entanto, se Saturno dentro da Décima Segunda Casa estivesse em aspectos favoráveis, a experiência do nativo seria bem diferente.

Com bons aspectos, Saturno no décimo segundo campo torna-se um indicador de sabedoria, profundidade da mente, conhecimento profundo e nível distinto de inteligência, dedicação e paciência.

Assuntos metafísicos comumente ocupam pessoas com Saturno na Décima Segunda Casa. Eles gostam de pesquisar, ler e gerar conhecimento. Eles estudam sistematicamente e com muita paciência.

Aspectos harmoniosos de Saturno dentro do décimo segundo campo indicam emoções profundas em relação ao parceiro. Um indivíduo com Saturno na Décima Segunda Casa tem sentimentos profundos em relação à pessoa amada.

Essas pessoas são dedicadas, leais e totalmente comprometidas quando estão apaixonadas. Dissemos que eles não se comprometem facilmente, se Saturno estiver em aspectos desafiadores.

sonha em ser sequestrado

Eles nunca têm pressa, mesmo que a situação seja diferente. Eles querem um relacionamento estável e profundo, para que não fiquem noivos romanticamente apenas por diversão.

Além disso, eles podem ser muito charmosos, porque são únicos. Altamente individualistas, muito inteligentes, bem educados, com um conhecimento profundo sobre temas não tão comuns, eles são uma empresa boa e inspiradora.

Eles são agradáveis ​​para conversar e você sempre pode aprender com eles. É muito provável que se interessassem por artes ou que fossem eles próprios artistas.

Saturno na Décima Segunda Casa - Sinastria

A sobreposição da sinastria de Saturno na Décima Segunda Casa indica uma conexão emocional muito profunda entre os parceiros.

Com essa posição de Saturno, um dos parceiros possivelmente sofre de medos e fobias. A pessoa também pode se sentir muito insegura e solitária no relacionamento.

Esta sobreposição de sinastria requer um ajuste mútuo à energia cósmica, a fim de ajudar as coisas a se desenvolverem de forma natural.

Saturno na 12ª Casa - Trânsito

Saturno na Décima Segunda Casa é um trânsito misterioso e profundo. A décima segunda casa é um campo misterioso em si. Transforma segundos em horas, minutos em dias e dias em anos.

Saturno é o planeta que representa o controle e a estrutura. Ao transitar pela Décima Segunda Casa, entra em contato com o mundo espiritual, mas também corre o risco de decepção e de mudança. Saturno não gosta de mudanças, mas de ordem contínua.

A Décima Segunda Casa indica perda de controle, portanto, o trânsito de Saturno neste campo não está associado a um período agradável. Ao longo deste período de trânsito, podemos nos deparar com o fracasso de nossos planos, com péssima situação material, perda de emprego ou qualquer outra coisa.

Esse trânsito se manifesta como um período de desespero e vazio. Indica perder a sensação de prazer e alegria.

Quando Saturno ocorre na Décima Segunda Casa, todo o prazer cessa. Tradicionalmente, ninguém quer entrar neste campo de miséria e tristeza (embora, deva ser dito, a Décima Segunda Casa não traga apenas negatividade).

Tradicionalmente, o décimo segundo campo simboliza lugares de que ninguém gosta, como prisões ou hospitais; os lugares privados de prazeres terrenos.

A décima segunda casa também é a casa do nosso Ego e da superação do eu. Durante o trânsito de Saturno sobre este campo, podemos entrar em cantos mais escuros de nosso eu, a fim de evitar inimigos externos. É um período de isolamento, forçado ou escolhido; provavelmente uma mistura de ambos.

Durante o tempo de nossa 'prisão' e auto-isolamento, podemos entrar em contato com a esfera espiritual.

A lei universal do trânsito de Saturno na Décima Segunda Casa está sofrendo como o único e único caminho para a luz. Por aspera ad astra , como diz o provérbio latino. Temos que sofrer, a fim de alcançar a verdade espiritual.

Saturno na Décima Segunda Casa leva a uma mudança das marés, no sentido energético, físico e material. Temos que perder algo para entrar no próximo capítulo, o novo ciclo.