O que o número 13 significa na Bíblia e profeticamente

O treze tem um significado diferente dependendo das diferentes culturas e tradições. Às vezes, distorções que nada têm a ver com a realidade são produzidas popularmente.



Em hebraico, o número que expressa a unidade é aquele, que se chama echad e as letras que o compõem: alef (1), jet (8) e dalet (4), somam treze.

No texto de hoje, aprenderemos mais sobre esse número e o que ele realmente significa na própria Bíblia e em geral.



O que 13 significa na Bíblia?

O treze tem um significado diferente dependendo das diferentes culturas e tradições. Às vezes, distorções que nada têm a ver com a realidade são produzidas popularmente. Em hebraico, o número que expressa a unidade é aquele, que se chama echad e as letras que o compõem: alef (1), jet (8) e dalet (4), somam treze.



O alef refere-se a Aquele que é o Criador, o jato para os sete céus e a terra, e o dalet para os quatro pontos cardeais; desta forma alude à totalidade do existente, configurado no Um que se compõe de treze, e que tem sua expressão quando diz: Shema Yisrael, A-do-nai E-lo-heinu, A-do- Nai Ejad.

Em psicologia, o medo irracional do número treze é chamado de Triskaidekaphobia e afirma-se que figuras históricas como Napoleão, o milionário J. Paul Getty e o presidente dos Estados Unidos Franklin D. Roosevelt tinham medo desse número. Por exemplo, Roosevelt nunca compareceu a jantares com 13 convidados ou viajou no dia 13. Consistente com sua Triskaidekaphobia, Roosevelt fez sua última viagem em 12 de abril de 1945.

É surpreendente que um número, um número que o Ocidente considera negativo, seja tão positivo para os judeus. Pode não ser a única divergência de fundo. Para os romanos, a observância do sábado mostrava quão desapegados os hebreus deviam trabalhar, e nisso, como em tantas coisas, eles só viam o exterior.



Como os números nunca estão muito distantes das letras na cultura judaica, o sistema de equivalências chamado gem atria existe para acelerar a mente e aguçar os sentidos, o que torna os filhos de Jacó um povo apaixonado pela música e pelos estudos. .

Várias vezes esse número é mencionado no Talmud, no Midrash e em outras fontes e, claro, não há nada que o relacione com má sorte; portanto, evitá-lo de qualquer forma é um absurdo. O Judaísmo não admite a noção de números de azar; existem números significativos, mas a sorte não se mistura com eles.

saturno em conjunção com urano sinastria

Os atributos da misericórdia de Deus, que são as manifestações divinas expressas no contexto humano, são treze; os métodos básicos para explicar a Torá também são treze. Todo autor judeu concorda que esses dois versículos contêm uma lista de 13 atributos de Deus e Sua misericórdia, listados resumidamente na tabela à esquerda.



Antes de iniciar este estudo, eu não sabia que o número 13 tinha grande significado no pensamento judaico. Nos países ocidentais, 13 são frequentemente relacionados à má sorte. Na verdade, muitos edifícios de vários andares não têm um 13º andar devido a superstições. Antes de falar sobre o número 13, você precisa entender que cada letra do alfabeto hebraico, que é composta por 22 consoantes, tem um equivalente numérico.

Gem atria é a disciplina judaica dedicada a encontrar um significado mais profundo ou oculto nas Escrituras com base no valor numérico de suas palavras. Isso produz resultados muito interessantes. Um dos exemplos mais comuns é a palavra hebraica para jai (חי), ou vida, que tem um valor numérico de 18; lendo da direita para a esquerda, a letra ח = 8 e a letra י = 10. Visto que esta palavra é tão importante, muitas doações monetárias judaicas vêm em múltiplos de 18.

É importante notar que o número 13 não representa má sorte na tradição ou numerologia judaica. Clamamos pela misericórdia de Deus ao recitar os Treze Atributos da Misericórdia, de acordo com Êxodo 34: 6-7. Ram bam, o filósofo judeu do século 12, também conhecido como Moisés Maimônides, resumiu as crenças básicas do Judaísmo em uma lista de Treze Princípios.

Jesus referindo-se ao Shemá (Ouve, ó Israel, o Senhor nosso Deus, o Senhor é um) era a crença central do Judaísmo de que só há um Deus. O valor numérico de echad (um) e ahava (amor) é 13 cada. Juntos, eles somam 26. Agora, para o seguinte: as letras YHVH, o nome de Deus, têm um valor numérico de 26! Deus é amor e é Um, e seu nome é YHVH.

Significado e Simbolismo

Mas também existem áreas onde o 13 não está associado ao azar. Existem treze Buda no panteão indiano. No México, já durante a alta cultura dos maias, o 13 era venerado como um número sagrado, eles conhecem 13 deuses cobra. Em numerologia, sabemos seu significado em relação à mudança, liberação e transformação. No Tarô, ela recebe a carta Morte.

Mas você também sabia que o número 13 é o número atribuído à mulher sagrada? Segue os Doze, daí a imagem patriarcal. O 13 é o número da feminilidade, mulheres sábias, as novas deusas e, portanto, um número de Vênus. O número 13 é um número de força notável, que dissolve as estruturas do número 12 tanto que uma transição para um novo nível é possível.

No 13º dia após a fecundação, o embrião forma o cordão umbilical e assim se ancora pela primeira vez nesta encarnação. Com a formação do cordão umbilical nos conectamos com a circulação sanguínea de nossa mãe. Nossa mãe biológica é a representante terrestre da Mãe Terra. Após a conexão com a circulação sanguínea da mãe, geralmente ainda passam 20 vezes 13 dias até o nascimento efetivo.

Assim, a fotografia do treze do dia oferece-nos essa energia, à medida que escolhemos nós próprios o cordão umbilical da vida, e sabemos que ainda falta tempo até ao nascimento da própria vida, vinte vezes mais treze.

Número 13 Apaixonado

No calendário lunar, o ano é de treze meses e no último mês é quando a morte do Sol ocorreu coincidindo com o solstício de inverno. Quando o patriarcado substituiu o matriarcado, o treze passou a ser considerado um número diabólico e temido. A má fama dos treze fez que na actualidade seja o número que ninguém quer ter ou tomar o seu lugar.

Em muitos hotéis não há 13º andar ou quarto número 13. Quando viajamos de avião, trem ou ônibus, o assento 13 costuma brilhar por sua ausência. Nisto, como em tudo, há sempre a exceção que confirma a regra. Não conheço ninguém que tenha renunciado ao 13º pagamento por medo de azar e infortúnio.

Fatos sobre o número 13

Na hora de encontrar a origem etimológica da palavra treze temos que voltar ao latim porque nessa língua a encontramos, mais exatamente no termo tredĕcim. O treze (palavra que se representa em números pela união de 1 e 3) é a figura pertencente ao grupo dos números naturais que passa ao doze (12) e é anterior aos quatorze (14).

Treze também é reconhecido como o número primo que ocorre depois de onze (11) e aparece antes de dezessete (17).

Por exemplo, a Fórmula 1 não usa treze (como nos aviões). O mesmo com alguns times de futebol. Existem também ruas que omitem o portal 13 e hotéis que evitam usar o 13º andar para não incomodar seus eventuais hóspedes. Em Madrid, por outro lado, não existe a linha 13. É importante destacar que na América Latina e na Espanha a terça-feira 13 é considerada um mau presságio, como acontece nas nações anglo-saxãs com a sexta-feira 13.

simbolismo do carvalho

Tal é a negatividade que segura esta última data que justamente deu nome a uma das mais importantes sagas do terror de todos os tempos: a sexta-feira 13. Na década de 80 foi quando o primeiro dos filmes dos doze que apareceu formou o grupo. A origem da história que narra é a morte acidental em 1957 de um menino chamado Jason no lago de um acampamento chamado Crystal Lake.

Vítima é que de lá até hoje não parece descansar em paz porque todos os que estão naquele lugar vão morrer aos poucos em circunstâncias estranhas e selvagens que fazem uma lenda negra começar a circular por aquele enclave.

No tarô, o número 13 é interpretado como morte e em seu sentido oculto representa a mudança (a morte de algo e o nascimento de outra coisa).

Por fim, é preciso dizer que o treze é o valor preferido das bruxas e o que prevalece, então, nos covens (local onde as bruxas celebram seus encontros e rituais). Assim como acontece com as bruxas, é necessário enfatizar o fato de que o número 13 nem sempre é visto com negatividade. Assim, por exemplo, esta figura está ligada a Freya, uma deusa germânica que se identifica com o amor.

Resumo

O primeiro número com dois algarismos da sequência Fobonnaci é justamente o número 13 e o próximo nessa sequência, já é o número 21.

Como você pode ver, não são muitos os números com os quais a Mãe Natureza trabalha, por isso o 13 cativou todos aqueles que queriam brincar de ser deuses.

Enfim, se voltarmos aos momentos iniciais da história do ser humano, o treze não foi maligno nem negativo. O dia 13, na época do matriarcado, era considerado um número sagrado que estava intimamente relacionado com o calendário lunar que se usava na época matriarcal.

Existem certos grupos que não parecem ter medo do azar de 13. Um exemplo disso encontra-se no símbolo mais alto que mostra a soberania dos Estados Unidos da América: O grande selo presente em todas as notas de dólar.

Treze dias é a duração da semana asteca. Para eles, o 13 está associado ao 52, o século asteca, já que 13 x 4 = 52. O primeiro e o quarto sóis duram 676 anos, que é o resultado da multiplicação do 13 pelo 52.

O número 13 se destaca na ordem e nos ritmos normais do universo. Do ponto de vista cósmico, o 13 não se harmoniza com as leis universais. O 13º agita a ordem do macrocosmo e o perturba, perturbando seu repouso e equilíbrio.